Comunidade Evangélica Rocha Viva

O ministério da reconciliação

missões

A quem pertence a responsabilidade de Missões hoje?

Quando olhamos o mundo todo, essa Pátria imensa, com milhares e milhares de pessoas sem o conhecimento do evangelho, vem-nos essa pergunta inquietante: quem deve responsabibizar-se por ssa multidão sem paz e sem esperança?


 

A Bíblia nos mostra que todos que foram salvos e reconciliados com Deus através de Jesus Cristo receberam o ministério da reconciliação, isto é, de serem instrumentos para mostrar aos outros o caminho para reconciliação com Deus.

Ninguém é isento deste ministério. Todos têm a sua parte. Na realização da obra de Missões e evangelismo, quando a Pátria tosa precisa ser alcançada com o testemunho da nossa fé, a junta de Missões Nacionais pode trabalhar quando cada crente, cada igreja, cada vocacionado entende e cumpre a vontade de Deus, colocando suas vidas totalmente consagradas para seu serviço.

Uma Chamada Para Todos os Crentes

Biblicamente, todos os crentes são chamados para o testemunho: “eu vos escolhi... para que vades e deis frutos” (João 15:16), “...e ser-me-eis testemunhas...” (Atos 1:8), além de outros textos mais conhecidos que falam sobre esse chamamento geral dos discípulos de Cristo para o testemunho. A pessoa salva por Cristo tem a missão de ir, orar, pregar, discípular e contribuir para que outros conheçam o evangelho.

Missão Vitoriosa

Nos tempos de Cristo, quando os generais romanos voltaram vitoriosos das batalhas, trazendo consigo os prisioneiros, havia na entrada da cidade um arco em que o cortejo passava, simbolizando a vitória e o reconhecimento do povo, ao mesmo tempo em que um “incenso” ia marcando com um aroma a passagem dos vitoriosos.

É essa a figura que o apóstolo Paulo tem em mente quando diz que Deus... “nos faz triunfar em Cristo e por meio de nós manisfesta em todo cugar o cheiro do seu conhecimento.” A medida que os discípulos de Cristo “combatem” o poder das trevas sobre os homens e sobre a nossa Pátria, já se sabem vencedores por causa da vitória de Cristo na cruz e da promessa da sua vinda. Também a influência dos crentes, de suas vidas e do testemunho que dão, torna-se “o cheiro” de Cristo na vida dos que os cercam.

É bom quando nos sentimos parte de uma missão como essa de levar o evangelho por toda a Pátria, com a garantia da vitória que, mesmo com dificuldades e lutas, já nos foi garantida por Jesus, pois somos “mais que vencedores por aquele que nos amou”.

Fonte: Revista Visão Missionária 3T88

 
| Home Artigos e Estudos O ministério da reconciliação