Comunidade Evangélica Rocha Viva

Dois Discípulos no Caminho de Emaús

altDois discípulos no Caminho de Emaús

Lucas 24: 13 – E eis que no mesmo dia iam dois deles para uma aldeia, que distava de Jerusalém sessenta estádios, cujo nome era Emaús.

60 estádios = 11 km

Dois discípulos. Provavelmente um casal um deles Cleófas mencionado no verso 18. (Provavelmente o mesmo mencionado em João 19: 25 = Clopas que tinha por esposa uma mulher chamada Maria)

v. 14 a 16 – E iam falando entre si de tudo aquilo que havia sucedido. E aconteceu que, indo eles falando entre si, e fazendo perguntas um ao outro, o mesmo Jesus se aproximou, e ia com eles. Mas os olhos deles estavam como que fechados, para que o não conhecessem. Jesus se aproxima. Não o reconheceram!!!

v. 17 - E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre vós, e por que estais tristes?
v. 18 - E, respondendo um, cujo nome era Cléopas, disse-lhe: És tu só peregrino em Jerusalém, e não sabes as coisas que nela têm sucedido nestes dias?
Cleópas responde admirado: Você não sabe? Como? Você é de outro planeta?

v. 19 - E ele lhes perguntou: Quais? E eles lhe disseram: As que dizem respeito a Jesus Nazareno, que foi homem profeta, poderoso em obras e palavras diante de Deus e de todo o povo;
Quais? Jesus pergunta. Você não sabe sobre Jesus Nazareno, varão profeta, poderoso em obras! Não era mais então o Messias?

v. 20 - E como os principais dos sacerdotes e os nossos príncipes o entregaram à condenação de morte, e o crucificaram.

Os nossos príncipes!! Os representantes de Deus para o povo de Israel! –

v. 21 - E nós esperávamos que fosse ele o que remisse Israel; mas agora, sobre tudo isso, é já hoje o terceiro dia desde que essas coisas aconteceram.

v. 22 a 24 - É verdade que também algumas mulheres dentre nós nos maravilharam, as quais de madrugada foram ao sepulcro;
E, não achando o seu corpo, voltaram, dizendo que também tinham visto uma visão de anjos, que dizem que ele vive.
E alguns dos que estavam conosco foram ao sepulcro, e acharam ser assim como as mulheres haviam dito; porém, a ele não o viram.

É certo que muitas vezes experiências de outros não nos convence.

v. 25 a 27 - E ele lhes disse: Ó néscios, e tardos de coração para crer tudo o que os profetas disseram! Porventura não convinha que o Cristo padecesse estas coisas e entrasse na sua glória?
E, começando por Moisés, e por todos os profetas, explicava-lhes o que dele se achava em todas as Escrituras.
Jesus então começa sua última aula aqui na terra, para duas pessoas muito privilegiadas, aula de pós graduação, mestrado, doutorado PHd.

1º) – Os animais mortos para ceder roupas para Adão e Eva, tipo de Cristo, Gn. 3: 21 O Senhor Deus fez roupas de pele e com elas vestiu Adão e sua mulher.

Deus não aceitou as folhas de figueiras e matou animais para que pudesse cobri-los dignamente.

2º) – A promessa do Libertador (O primeiro anuncio do Evangelho), Gn 3: 15 – Porei inimizade entre você e a mulher, entre a sua descendência e o descendente dela; este lhe ferirá a cabeça, e você lhe ferirá o calcanhar.

Romanos 16: 20 ...esmagará em breve Satanás.

3º) – A Arca, tipo de Cristo, Gn. 6: 16 - Faça-lhe um teto com um vão de quarenta e cinco centímetros entre o teto e corpo da arca. Coloque uma porta lateral na arca e faça um andar superior, um médio e um inferior.

João 10: 7 – Então Jesus afirmou de novo: "Digo-lhes a verdade: Eu sou a porta das ovelhas.
João 14: 6 – Jesus disse: Eu sou o caminho a verdade e a vida.

4º) – O carneiro preso pelos chifres – tipo de Cristo, Gn. 22: 10 a 13 – Então estendeu a mão e pegou a faca para sacrificar seu filho. Mas o Anjo do Senhor o chamou do céu: "Abraão! Abraão! " "Eis-me aqui", respondeu ele. "Não toque no rapaz", disse o Anjo. "Não lhe faça nada. Agora sei que você teme a Deus, porque não me negou seu filho, o seu único filho. Abraão ergueu os olhos e viu um carneiro preso pelos chifres num arbusto. Foi lá, pegou-o e sacrificou-o como holocausto em lugar de seu filho.

Com João 1: 29 – No dia seguinte João viu Jesus aproximando-se e disse: "Vejam! É o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!

5º) – Jesus é o nosso Cordeiro Pascal – Êxodo 12: 21 a 23 – Então Moisés convocou todas as autoridades de Israel e lhes disse: "Escolham um cordeiro ou um cabrito para cada família. Sacrifiquem-no para celebrar a Páscoa! Molhem um feixe de hissopo no sangue que estiver na bacia e passem o sangue na viga superior e nas laterais das portas. Nenhum de vocês poderá sair de casa até o amanhecer. Quando o Senhor passar pela terra para matar os egípcios, verá o sangue na viga superior e nas laterais da porta e passará sobre aquela porta; e não permitirá que o destruidor entre na casa de vocês para matá-los.

6º) – Jesus é o maná que desce do céu

Êxodo 16: 14, 15 – “Depois que o orvalho secou, flocos finos semelhantes a geada estavam sobre a superfície do deserto. Quando os israelitas viram aquilo, começaram a perguntar uns aos outros: "Que é isso? ", pois não sabiam do que se tratava. Disse-lhes Moisés: "Este é o pão que o Senhor lhes deu para comer.”
João 6: 51 – “Eu sou o pão vivo que desceu do céu. Se alguém comer deste pão, viverá para sempre. Este pão é a minha carne, que eu darei pela vida do mundo".

7º) – Jesus a Rocha ferida - Êxodo 17: 6 – Deus manda Moisés ferir a rocha (esta é a Rocha de Meribá) – Eu estarei à sua espera no alto da rocha que está em Horebe. Bata na rocha, e dela sairá água para o povo beber". Assim fez Moisés, à vista das autoridades de Israel.

Números 20: 8 a 12 – Pegue a vara, e com o seu irmão Arão reúna a comunidade e diante desta fale àquela rocha, e ela verterá água. Vocês tirarão água da rocha para a comunidade e os rebanhos beberem". Então Moisés pegou a vara que estava diante do Senhor, como este lhe havia ordenado. Moisés e Arão reuniram a assembleia em frente da rocha, e Moisés disse: "Escutem, rebeldes, será que teremos que tirar água desta rocha para lhes dar? " Então Moisés ergueu o braço e bateu na rocha duas vezes com a vara. Jorrou água, e a comunidade e os rebanhos beberam.

Obs.: Na passagem acima Deus manda Moisés falar a rocha.

João 4: 10 a 14 – Jesus lhe respondeu: "Se você conhecesse o dom de Deus e quem lhe está pedindo água, você lhe teria pedido e ele lhe teria dado água viva". Disse a mulher: "O senhor não tem com que tirar a água, e o poço é fundo. Onde pode conseguir essa água viva? Acaso o senhor é maior do que o nosso Pai Jacó, que nos deu o poço, do qual ele mesmo bebeu, bem como seus filhos e seu gado? " Jesus respondeu: "Quem beber desta água terá sede outra vez, mas quem beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede. Pelo contrário, a água que eu lhe der se tornará nele uma fonte de água a jorrar para a vida eterna".

8º) – Jesus o Grande Profeta – Deuteronômio 18: 15 – O Senhor, o seu Deus, levantará do meio de seus próprios irmãos um profeta como eu; ouçam-no.

9º) – Filho de uma virgem. - Isaias 7: 14 – Por isso o Senhor mesmo lhes dará um sinal: a virgem ficará grávida e dará à luz um filho, e o chamará Emanuel.

10º) – O Filho de Deus - Isaias 9: 6 – Um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros. E o seu nome será: Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz.

12º) - O Renovo de Justiça – Isaias 53: 2 a 11 – “Porque foi subindo como renovo perante ele, e como raiz duma terra seca: não tinha nem parecer nem formosura; e, olhando nós para ele, nenhuma beleza víamos, para que o desejássemos. Era desprezado, ... e não fizemos dele caso algum. Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades.... Mas ele foi ferido pelas nossas transgressões, e moído pelas nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.

13º) – O Senhor que é desde a Eternidade – Miqueias 5: 2 – Mas tu, Belém-Efrata, posto que pequena entre milhares de Judá, de ti me sairá o que será Senhor em Israel, e cujas saídas são desde os dias da eternidade.”

14º) – O Salvador sobre um jumentinho – Zacarias 9: 9 – Alegra-te muito, ó filha de Sião! Exulta, ó filha de Jerusalém! Eis que o teu rei virá a ti, justo e Salvador, pobre e montado sobre um jumento, sobre um asninho, filho de jumenta.
Lucas 19: 33 a 35 – Quando estavam desamarrando o jumentinho, os seus donos lhes perguntaram: "Por que vocês estão desamarrando o jumentinho? "
Eles responderam: "O Senhor precisa dele". Levaram-no a Jesus, lançaram seus mantos sobre o jumentinho e fizeram que Jesus montasse nele.
15º) – Seu corpo não sofreria a decomposição. – Salmos 16: 10 – Pois não deixarás a minha alma no inferno, nem permitirás que o teu Santo veja corrupção.

16º) – Sofrimentos na crucificação S. 22:1 – “Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?...7,8 Todos os que me veem zombam de mim, estendem os beiços e meneiam a cabeça, dizendo: Confiou no Senhor, que o livre; livre-o, pois nele tem prazer...14 Como água me derramei, e todos os meus ossos se desconjuntaram; o meu coração é como cera, derreteu-se no meio das minhas entranhas. 15 A minha força se secou como um caco, e a língua se me pega ao paladar, e me puseste no pó da morte. 16 ...traspassaram-me as mãos e os pés. 17 Poderia contar todos os meus ossos; eles veem e me contemplam. 18 Repartem entre si os meus vestidos, e lançam sortes sobre a minha túnica.”

João 19: 30 - Então Jesus, depois de ter tomado o vinagre, disse: está consumado. E, inclinando a cabeça, entregou o espírito

Lucas 24: 28 e 29 – Ao se aproximarem do povoado para o qual estavam indo, Jesus fez como quem ia mais adiante. Mas eles insistiram muito com ele: "Fique conosco, pois a noite já vem; o dia já está quase findando". Então, ele entrou para ficar com eles.

O convite mais importante que qualquer ser humano pode fazer.

Lc 24: 30, 31 – Quando estava à mesa com eles, tomou o pão, deu graças, partiu-o e o deu a eles. Então os olhos deles foram abertos e o reconheceram, e ele desapareceu da vista deles.

Revelação de Deus. Porque nem todos percebem ou recebem a revelação?

Lucas 24: 23, 24 – Perguntaram-se um ao outro: "Não estavam ardendo os nossos corações dentro de nós, enquanto ele nos falava no caminho e nos expunha as Escrituras?
Levantaram-se e voltaram imediatamente para Jerusalém. Ali encontraram os Onze e os que estavam com eles reunidos.

Voltaram no mesmo instante para anunciar aos outros. Não tem como ficar calado quando conhecemos Jesus. Queremos que todos conheçam.

Nós precisamos de ter nossa própria experiência com o Salvador, não basta ouvir testemunhos, não basta saber que Ele operou milagres, precisamos experimentar nas nossas vidas este encontro. Precisamos ter Jesus como Nosso Guia, Nosso Senhor, Nosso Salvador. Entregue-se de forma incondicional para Aquele que quer viver com você na Eternidade.

Palavra Ministrada: Pra. Fátima

 
| Home Teologia Dois Discípulos no Caminho de Emaús