Comunidade Evangélica Rocha Viva

A Adoração como estilo de vida

Hoje meus queridos irmãos, temos vivido uma crise no que diz respeito a adoração. Muitos são os cristãos que acreditam que ao freqüentar a igreja uma vez por semana já estão cumprindo sua “quota” de adoração semanal.

 

 

 

 

Mas isso é um engano!

Um culto por semana na igreja, não é suficiente para que nos tornemos adoradores.

É necessário buscar uma transformação de nossa vida para uma vida de adoração; é necessário também, aprender apresentar o nosso corpo “como sacrifício vivo, santo e agradável a Deus” (Rm 12.1), é preciso ter a adoração como um compromisso.

A adoração é tão importante no nosso relacionamento com Deus, porque é a única coisa que podemos dar a alguém que não precisa de nada. Pense nisso. O que você dá à pessoa que tem tudo? Será que existe alguém que tenha tudo?

Sim, Deus tem tudo e não precisa de nada. “Do Senhor é a terra e a sua plenitude, o mundo e todos que nele habitam”

(Sl 24.1)

Então o que podemos lhe dar?

A não ser o  que Ele realmente deseje, "a nossa adoração".

Deus está à procura de adoradores verdadeiros (Jo. 4.23).

E nós, estamos preparados para adorar a Deus não só aos domingos na igreja?

Mas ter a adoração como um estilo de vida?

Estamos prontos para adorá-lo publicamente em nossos sentimentos, em nossos pensamentos e por nossas palavras e atos?

Estamos mergulhando na dimensão da adoração particular, daquele momento do dia onde estamos a sós com o Todo Poderoso?

Estamos nos fortalecendo da adoração coletiva, na igreja, com o povo de Deus? Ou só sentamos naquela cadeira para cumprir um protocolo semanal?

Meus queridos irmãos, que essas perguntas possam inquietar os nossos corações, e nos fazer refletir para a nossa condição de VERDADEIROS ADORADORES.

Que Deus nos abençoe.

Pra. Simone Cabral

 
| Home Vida Cristã A Adoração como estilo de vida